P2D Travel

Buenos Aires, do tango aos jardins, uma experiência única

O que ver e fazer

Buenos Aires é um destino que esbanja arte, cultura e gastronomia, além de aliar com maestria as facilidades da modernidade ao charme do passado. Suas construções históricas, preservadas e reinventadas são a melhor prova disso. Para você decidir o que ver e fazer em Buenos Aires e conhecer o que há de mais bonito na capital argentina, reunimos aqui seus principais pontos turísticos. Confira! 

Jantar e show tango

Nossa primeira sugestão de o que ver e fazer em Buenos Aires é um clássico na cidade. Muitas casas, cafés e restaurantes apresentam o par que resume a essência da capital argentina: um bom jantar e um bom show de tango. Os lugares mais charmosos para essa experiência são o Piazzolla Tango e o Gala Tango. Dentre os mais famosos, estão o Señor Tango e o Tango Show Buenos Aires. Tente visitar pelo menos um desses lugares para ver e fazer o que há de melhor em Buenos Aires.

tango
casa rosada

Construções históricas

A história de Buenos Aires como cidade ocidental começou em 1536. Parte desses cinco séculos de história pode ser presenciada até hoje graças às inúmeras construções históricas que fazem da capital argentina uma das cidades mais europeias na América do Sul. Testemunhas incríveis de toda essa riqueza histórica e arquitetônica são o Centro Histórico de Buenos Aires, em torno da Casa da Rosada e Praça de Maio, o Teatro Colón, o Cemitério da Recoleta e o shopping Galerias Pacífico

Caminito

A pequena rua de apenas 150 metros de extensão que é um grande ícone da história e do turismo em Buenos Aires. As casas de zinco e de cores vibrantes, além de ótimos cenários para tirar fotos, servem de endereço para galerias, pequenos bares e cafés como o emblemático Havana. O principal ponto turístico do famoso bairro La Boca tem vizinhos também imperdíveis como o Museu de Cera e o próprio estádio La Boca.

caminito
bairro san telmo

Principais bairros

O mais legal de Buenos Aires é que seus pontos turísticos não se concentram em uma única região. Diferentes bairros, afastados ou não do centro, conquistaram os visitantes por oferecerem sua própria magia. Nesse sentido, a sofisticação e modernidade tomam conta de Puerto Madero; a boemia, arte e cultura definem San Telmo; enquanto história e gastronomia são a essência da Recoleta. Cada uma dessas regiões tem atrações que podem ocupar pelo menos 1 ou 2 dias de roteiro.

Principais ruas do centro

Avenida 9 de Julho, Avenida Corrientes e Avenida Sarmiento são as principais ruas em torno do Obelisco, monumento erguido no centro de Buenos Aires. A região é uma perfeita amostra de toda a modernidade que faz da capital argentina um destino cosmopolita e imperdível. Lojas, cinemas, casas de teatro, livrarias, restaurantes e cafés com seus letreiros luminosos e coloridos convidam a explorar a cidade como um típico portenho.  

avenida
jardim

Bosques e jardins

Na hora de criar o roteiro com o que ver e fazer em Buenos Aires, lembre-se de dedicar um tempo para visitar pelo menos um de seus bosques e jardins, que são verdadeiros oásis em meio ao cenário predominantemente urbano da capital argentina. Jardim Japonês, El Rosedal, Bosques de Palermo e o Jardim Botânico de Buenos Aires são os que se destacam na rota verde pela cidade.

Museus

Como toda boa capital, Buenos Aires mantém viva sua veia artística-cultural e história em museus que são verdadeiros pontos turísticos. Museu de Arte Latino Americana de Buenos Aires – MALBA, o Museu Nacional de Belas Artes, o Museu de Artes Modernas de Buenos Aires, o Museu do Bicentenário da Casa Rosada e o Museu da Criança se destacam como os mais famosos da cidade.  

museu

Bom saber

Como chegar

O principal Aeroporto Internacional de Buenos Aires é o Ezeiza (EZE). Com melhor infraestrutura, fica a 35 km do centro. Mais perto da região central, fica o Aeroparque (AEP), localizado em Palermo. Ambos costumam receber voos diretos do Brasil.

Quando visitar

As estações são bem definidas em Buenos Aires, e a alta temporada acontece em dois períodos: no inverno, principalmente em julho; e no verão, com auge nas festas de Natal e Ano Novo.

Como reservar

Acesse a plataforma de um dos nossos parceiros e faça a sua reserva de forma fácil e prática!

Idioma