P2D Travel

Rio de Janeiro, a cidade maravilhosa

O que ver e fazer

Conhecida como a Cidade Maravilhosa, o Rio de Janeiro faz jus ao nome que tem: Praias, lagos, rios, montanhas e a maior floresta urbana do mundo fazem da cidade, um dos destinos mais procurados para férias. Possui uma beleza natural deslumbrante, com características geográficas, que proporcionam vários tipos de atividades, passeios ao ar livre e atrações turísticas para os visitantes. E não se engane ao pensar que o Rio possui atrativos apenas no verão, a cidade é composta por um conjunto de construções e locais históricos que merecem ser visitados. 

O Cristo Redentor

Com 38 metros de altura, a famosa estátua do Cristo Redentor, é considerada Patrimônio da Humanidade pela UNESCO e uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno. Do topo do Morro do Corcovado e aos pés do Cristo Redentor, a vista panorâmica da cidade é de tirar o fôlego. Uma dica é começar o passeio ao Cristo Redentor pelo tradicional “Trem do Corcovado”, que parte no bairro do Cosme Velho. A subida pelo “Trem” dura 25 minutos e atravessa a mata atlântica do Parque Nacional da Tijuca, que é uma parte da maior floresta urbana do mundo. 

christ-the-redeemer-rio-de-janeiro-sunset
Cable car of Sugar Loaf in Rio de Janeiro

Pão de Açúcar

O Pão de Açúcar é outro cartão-postal da cidade do Rio de Janeiro que não pode ficar de fora do roteiro pela cidade. Localizado na bucólica zona da Urca, o passeio começa no teleférico, que se inicia na Praia Vermelha. A primeira parada é o Morro da Urca (227 metros) e a parada final é o morro do Pão de Açúcar (396 metros). Este não é o ponto mais alto da cidade, mas a vista do Cristo Redentor e da entrada da Baía de Guanabara do topo, é deslumbrante. Depois da visita ao Pão de Açúcar, não deixe de caminhar até a Mureta da Urca, para beber uma cerveja e comer um petisco com a vista para a Baía de Guanabara, com o Cristo Redentor ao fundo. 

Praia de Copacabana e Leme

Como dizia o Tom Jobim, o famoso compositor e cantor brasileiro, Copacabana é encantadora: “Copacabana, princesinha do mar, existem praias tão lindas cheias de luz, mas nenhuma tem o encanto que tu possuis”. O “calçadão” e a praia de Copacabana têm cerca de 4 km, que começa no Forte de Copacabana e termina na pequena praia do Leme. A sua calçada portuguesa trabalhada em pedras pretas e brancas em formatos de ondas, é o “calçadão” mais frequentado da cidade. Ao longo da orla, há vários quiosques para beber um copo ou uma água de coco. 

leme-and-copacabana-beach-rio-de-janeiro
Arpoador and Ipanema beach in Rio de Janeiro

Praia de Ipanema e Arpoador

Vizinha da praia de Copacabana, a região de Ipanema na Zona Sul da cidade também é famosa pela sua bela orla. Os quiosques da orla de Ipanema também oferecem boas opções para se beber um copo. No final de Ipanema, no sentido de Copacabana, fica a Pedra do Arpoador, onde os locais e os visitantes se reúnem para assistir ao pôr do sol com uma vista espetacular das praias de Ipanema e Leblon e o Morro dos Irmãos. 

Centro da Cidade

Engana-se quem pensa que as atrações turísticas do Rio se resumem às praias e montanhas. Separe um dia inteiro para visitar os museus, centro culturais e lugares históricos do centro da cidade. A sugestão de roteiro é começar pela Biblioteca Nacional, a maior biblioteca da América Latina, e o Teatro Municipal, um dos mais importantes teatros do Brasil, na praça da Cinelândia. Depois, pelo caminho do Paço Imperial na Praça XV, a próxima parada é a Igreja de Nossa Senhora da Candelária, a mais famosa igreja católica da cidade. Na esquina da igreja, fica o Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB). Para terminar o passeio pelo centro da cidade, siga em direção ao Museu do Amanhã e Museu de Arte do Rio. 

municipal-theatre-rio-de-janeiro
Old Aqueduct of Rio de Janeiro in Lapa

Lapa e Santa Teresa

Centro boêmio do Rio de Janeiro, a Lapa e seus arredores, como o bairro de Santa Teresa, são os lugares perfeitos para aproveitar um final de tarde na cidade ou aproveitar a noite carioca. Na Lapa, perto dos Arcos da Lapa, encontra-se a badalada Avenida Mem de Sá com vários bares e restaurantes. Já Santa Teresa é famosa por seus casarões antigos, ateliês de arte, bares e restaurantes e os antigos trilhos de teleférico da cidade. Entre Santa Teresa e a Lapa, está a famosa Escadaria Selarón, de 215 degraus, toda decorada em azulejos coloridos. 

Estádio do Maracanã

Para os amantes de futebol, assistir a um jogo de futebol ou fazer um tour pelo estádio do Maracanã, o maior estádio de futebol do Brasil, não pode ficar de fora do roteiro pela cidade do Rio de Janeiro. O estádio oferece visitas guiadas com acesso a calçada da fama dos jogadores e ao museu do futebol.

Aerial view of Maracana Stadium in Rio de Janeiro
Tijuca National Park in Rio de Janeiro

Parque Nacional da Tijuca

Com vistas espetaculares da cidade, o Parque Nacional da Tijuca, faz parte da maior floresta urbana do mundo e ocupa uma área de 4 mil hectares na cidade do Rio de Janeiro. Uma boa maneira de explorar as inúmeras estradas e cantos do parque é através de um jipe tour que passa pelas principais paradas como a Vista Chinesa, Mesa do Imperador, Paineiras, Cascatinha do Taunay e Açude da Solidão.

Praia da Barra

Localizada na Zona Oeste da cidade e desconhecida por muitos turistas, a Praia da Barra da Tijuca é a maior praia do Rio de Janeiro com 18 km de extensão. É bastante movimentada nos finais de semana e feriados, o bairro conta com várias opções de hotéis à beira-mar como o Radisson, Windsor, Mercure e Hilton. 

aerial-of-barra-da-tijuca-beach-rio-de-janeiro
lage-park-with-view-of-christ-rio-de-janeiro

Jardim Botânico e Parque Lage

Além da maior floresta urbana do mundo, o Rio de Janeiro também possui outras áreas verdes que merecem uma visita. A primeira delas é o Jardim Botânico, o mais antigo jardim botânico do Brasil e considerado patrimônio nacional pelo IPHAN e reserva da biosfera da Mata Atlântica pela Unesco. O Jardim Botânico tem uma coleção de 3400 espécies de plantas. A mais famosa é a palmeira imperial, símbolo do Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Ao lado do Jardim Botânico, encontra-se o Parque Lage, outra importante área verde da cidade, considerado patrimônio histórico e cultural do Rio de Janeiro pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

Sambódromo e escolas de samba

Os desfiles no famoso sambódromo da Marquês de Sapucaí do Rio de Janeiro, ocorrem somente durante o período do Carnaval. Porém, é possível participar dos ensaios das escolas de samba e experimentar a festa mais famosa da cidade e suas baterias, percussões, passistas, mestre-salas, porta-bandeiras e sambistas.

Carnival parade in Rio de Janeiro

Bom saber

Como chegar

O Rio de Janeiro tem 2 aeroportos: o Aeroporto Santos Dumont e o Aeroporto Internacional Tom Jobim. A maioria dos voos vindo da Europa chegam no aeroporto internacional Tom Jobim, também conhecido como Aeroporto do Galeão. O Tom Jobim fica na Zona Norte da cidade, a 20 km do centro da cidade. O aeroporto recebe voos de diversas linhas aéreas brasileiras e estrangeiras que operam rotas de voos diretos das principais cidades da Europa para o Rio de Janeiro.

Quando ir

O clima no Rio é tropical, quente e húmido. A temperatura média é 22ºC. No verão (dezembro a março), a média é de 30ºC a 35ºC. No outono (abril a junho), a temperatura fica em tornos dos 25ºC. O inverno no Rio é de julho a agosto. Porém, os cariocas brincam que não existe inverno no Rio, pois a temperatura média é 25ºC. Já na primavera (setembro a novembro), a temperatura aumenta e pode chegar aos 35ºC.

Como reservar

Acesse a plataforma de um dos nossos parceiros e faça a sua reserva de forma fácil e prática!

Idioma